Conheça os tipos de formiga doméstica

Conheça os tipos de formiga doméstica

Compartilhe em suas Redes Socias!

As formigas são uns dos insetos que dominam o mundo. São insetos que, por possuírem muitas variedades de espécies, se diferem pela organização extrema. Comandada e coordenada pela rainha cada um dos tipos de formiga com sua determinada função e obrigações nas colônias.

No Brasil, são cerca de 2.000 tipos de formiga. Os problemas que as formigas podem trazer vão de simples picadas, alergias até infecções hospitalares.

Segundo pesquisadores, há entre 20 e 30 espécies de formigas que vivem em estreito contato com o homem. Entre as mais comuns estão a formiga-fantasma, a formiga-louca, a formiga argentina, a formiga-faraó, a formiga-do-fogo ou pixixica, e também as dos gêneros acrobatas, carpinteiras, lava-pés e cabeçudas, além de saúvas (ou cabeça de vidro) e quenquéns.

Dedetização de formigas BH

Hábitos das formigas

Extremamente sociais, as formigas vivem juntas em suas colônias, formando uma única família chamada Formicidade. Ainda assim, as espécies têm lá suas diferenças bem nítidas. Cada uma com suas características, incluindo pelo lugar em que vivem.

Suas diferenças vão desde de cortar folhas a outras coisas para sobreviverem. As colônias vão de médio a grande porte, e podem causar uma verdadeira infestação em residências. Além disso, possuem o hábito de andar em fileiras e formam outras colônias, com a saída das rainhas acompanhadas por uma quantidade de operárias.

São conhecidas como pragas domésticas e podem causar um estrago enorme sem a dedetização de formigas. Elas consomem vários tipos de alimentos de preferência doces, restos de animais, madeira, plástico e outros.

Principais tipos de formiga

Formiga-de-fogo

A formiga-de-fogo ou Solenopsis richteri apresenta uma profunda cor preta com tonalidades avermelhadas, como indica o seu nome. Ela se distingue pelo comportamento especialmente agressivo. Porém, não costumam atacar os humanos, a menos que provoquem.

A picada de formiga de fogo possui uma mordida muito forte e venenosa, capaz de causar uma dor muito incômoda e persistente, parecida com a picada de uma vespa.

Dedetização de Formiga africana

A formiga africana ou Pachycondyla analis, é uma das espécies mais perigosas do mundo e habita o Senegal, Serra Leoa, Nigéria, Gana, Camarões e Togo.

Elas medem entre 18 e 5 mm e possuem ferrão e uma mandíbula forte triangular, capaz de furar a pele humana. O veneno neurotóxico é especialmente potente e, por isso, conseguem paralisar as vítimas.

Formiga fantasma

A formiga fantasma se trata de um grupo de operárias pequenas. Geralmente, fazem trilhas irregulares, andam em ziguezague e preferem alimentos adocicados.

Seus ninhos são feitos dentro e fora das residências, atrás de azulejos, batentes e rodapés. Além disso, não se fixam em um lugar por muito tempo.

Dedetização de Formigas lava-pé

A formiga lava-pé, bastante conhecidas no Brasil, são originárias da América do sul. Sua cor varia do amarelo claro, pode passar por um marrom avermelhado até o preto brilhante e são facilmente encontradas em jardins.

Sua picada é dolorida, provoca bolhas, alergias e até choque anafilático. Alimentam-se de plantas, animais e alimentos domésticos. Geralmente, fazem seus ninhos fora de casa e formam um montículo de terra solta. Se alimentam de plantas, animais e alimentos domésticos.

Formiga saúva

A formiga Saúva um dos tipos de formiga originária do continente americano. Possuem cabeças grandes e três pares de espinhos. Os ninhos podem ser feitos em locais sombreados ou ensolarados, além de ter um monte de terra em volta.

Alimentam-se basicamente da seiva que as plantas liberam enquanto são cortadas. Cultivam fungos, que é o principal alimento das rainhas e das larvas e, é complemento no alimento das operárias.

Formiga cortadora

A formiga cortadora de folhas caracteriza-se principalmente pela extrema organização social. Já que a colônia se divide em diferentes classes conhecidas como castas, ou seja, existe a rainha, os soldados, as forrageiras e as jardineiras.

Na colônia de formiga-cortadeira, cada indivíduo tem um objetivo específico para cumprir, começando pela rainha, da qual se encarrega de buscar ninhos e de se reproduzir. Enquanto os soldados protegem a colônia das ameaças externas, as forrageiras se encarregam de escavar túneis e buscar alimento para as outras formigas. As jardineiras, se encarregam de atender ao cultivo de fungos, larvas e ovos em desenvolvimento.

Essa espécie de formiga se encontra desde o Panamá até o norte da Argentina. Pode causar grandes danos econômicos, já que ataca diversos tipos de plantas e cultivos como a mandioca, milho e cana de açúcar.

Formiga carpinteira

A formiga carpinteira pertence ao gênero de componutus, uma espécie que habita América, Europa e África. Tem esse nome porque constrói seus ninhos na madeira, o que pode trazer consequências devastadoras para o meio ambiente, as colônias se expandem e provocam danos extensivos nas estruturas das árvores.

Em geral, as formigas carpinteiras se refugiam na madeira podre para fazer os seus ninhos, já que reúne condições adequadas de umidade e temperatura para se manter com vida. São polimorfas, o que significa que todos os indivíduos apresentam diversos tamanhos.

Suas cores podem variar entre preto, vermelho e marrom escuro. Com relação à alimentação, não comem madeira, sua dieta é baseada em insetos mortos, substâncias doces das plantas, flores e frutos e também, carne e gordura.

Caso você perceba que em sua casa está infestada de formigas procure uma empresa especializada em dedetizar formigas, assim você evita problemas futuros para você , sua casa e família.